Avançar para o conteúdo
nós-matamos-o-cão-tinhoso-pdf
4.7/5

Nós Matamos o Cão Tinhoso!

Nós matamos o cão tinhoso! é um livro de contos do escritor moçambicano Luís Bernardo Honwana, publicado em 1964. O livro é considerado um marco da literatura africana e foi um dos primeiros a abordar o tema do colonialismo português em Moçambique.

O conto que dá título ao livro conta a história de um grupo de crianças que, pressionadas pelo seu professor, matam um cão velho e doente. O cão, chamado Tinhoso, era maltratado por todos e considerado um incômodo. No entanto, a Isaura, uma das crianças, era a única que o defendia.

Após o assassinato do cão, as crianças ficam cheias de remorso e culpa. Elas percebem que Tinhoso não era um animal perigoso, mas sim um ser indefeso. O conto termina com as crianças chorando pela morte do cão.

Sinopse do livro:

O livro de contos Nós matamos o Cão Tinhoso!, de Luís Bernardo Honwana, é um marco da literatura africana. Obra polêmica, publicada em Moçambique em 1964, foi criticada por aqueles que defendiam o colonialismo português, e aclamada pelos que defendiam a liberdade e a autonomia do país.

O volume é composto por sete contos que expressam de forma emocionante a realidade sufocante dos trabalhadores moçambicanos durante a colonização portuguesa. O leitor vai conhecer contos sublimes que dão destaque às experiências dos oprimidos como as crianças e os trabalhadores negros na era colonial.

Nós matamos o Cão Tinhoso! foi publicado em alemão, espanhol, francês, inglês e sueco, além das várias edições em Português em Moçambique e Portugal. No Brasil, teve uma única edição em 1980. A obra recebeu prêmios em Moçambique e na África do Sul, e foi classificada entre os “100 melhores livros africanos do século XX”, pela ASC Library, da Universiteit Leiden, na Holanda.

Descubra novos livros que você vai adorar com nossas recomendações personalizadas

O que o Sol faz com as Flores

Rupi Kaur (Autor)

O Ódio que Você Semeia

Angie Thomas (Autor)

O Pequeno Príncipe Preto

Rodrigo França (Autor)